Arquivo da categoria: Sites

Os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável

Padrão
17 objetivos de desenvolvimento sustentável

17 metas globais para o desenvolvimento sustentável

 

Os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) que foram firmados como compromisso na Cúpula das Nações Unidas sobre o Desenvolvimento Sustentável, que aconteceu entre 24 e 27 de setembro deste ano em Nova York, entre governos e líderes de estado, são um grande desafio a ser alcançado. Após mais de três anos de discussão, o documento resultante é um plano de ação, a Agenda “Transformando Nosso Mundo: A Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável” onde são apontadas 17 Metas Globais, os ODS, e 169 metas rumo ao desenvolvimento: ambiental, social e econômico. Os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) aprovados fundamentam-se nos 8 Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM) – este último que se findaria ao final deste 2015.

O que se propõe através dessa Agenda é uma somatória de esforços tanto por parte dos governos, quanto do setor público e privado, a fim de consolidar o que foi definido através de medidas que realmente direcionem o mundo para um caminho mais sustentável.

Então vamos unir forças! 🙂

Conheça melhor sobre cada um dos 17 ODS. Saiba mais:

Agenda 2030 – 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ONU)

Objetivos de Desenvolvimento do Milênio

 

Anúncios

Mata Atlântica – Manacá Pitanga

Padrão

O texto a seguir foi retirado do site da Manacá Pitanga, que é uma agência no segmento de ecoturismo, cujo fundamento é a educação ambiental, e que proporciona roteiros dentro do município de Ubatuba, litoral norte de São Paulo, em meio a exuberância da Mata Atlântica.

MATA ATLÂNTICA

IMG_0107 (1280x960)Muito fragmentada e reduzida a menos de 8% de sua área original que cobria uma extensão de 1.300.000 km2, a Mata Atlântica é um dos biomas de maior importância no planeta devido sua rica biodiversidade. Ela exerce um relevante papel na regulação climática; garante estabilidade de encostas e morros, visto que seus remanescentes mais significativos ocorrem em áreas de grande declividade; assegura fertilidade ao solo; proporciona abastecimento hídrico para os mais de 145 milhões de habitantes, ou quase 72% da população brasileira, e está presente em 3.429 municípios brasileiros, segundo estimativas do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em 2014. Destes, 2.481 municípios tem seus territórios totalmente inseridos no bioma, enquanto outros 948 municípios estão parcialmente inclusos. Ela engloba 17 estados brasileiros, indo do Ceará ao Rio Grande do Sul, além de outros dois países sul-americanos, Paraguai e Argentina.

As florestas da Mata Atlântica abrigam a mais rica diversidade de árvores em todo o mundo, totalizando mais de 20 mil espécies de plantas, onde 8 mil destas representantes são endêmicas, ou seja, não ocorrem em nenhum outro local. Dentre alguns exemplos dessa exuberante flora estão o jequitibá-rosa que pode alcançar 40 metros de altura, o pau-brasil, cedro, ipês, jatobá, figueira, manacá-da-serra; além de espécies frutíferas como pitanga, araçá, cambuci, cambucá, cabeludinha e uvaia. Também se somam à essa diversidade vegetal a samambaiaçu, orquídeas, bromélias, palmito juçara, entre outras.

No que diz respeito à fauna, infelizmente a maior parte das espécies de animais brasileiros ameaçados de extinção são da Mata Atlântica: micos-leões, muriqui-do-norte (mono carvoeiro), lontra, arara-azul-pequena, tatu-canastra, onça-pintada. Outros animais também encontrados no bioma são o sabiá-laranjeira, beija-flor, pica-pau-da-cabeça-amarela, saíra, bugio, preguiça, capivara, só para citar alguns.

A Mata Atlântica é um dos hotspots existentes no planeta, ou seja, é uma das áreas biologicamente mais ricas, significativas e ameaçadas do mundo, com foco de priorização para conservação de sua biodiversidade pela Conservation International (CI); além de Reserva da Biosfera declarada pela Unesco e Patrimônio Nacional de acordo com a Constituição Federal de 1988. As formações vegetais e seus respectivos ecossistemas são a Floresta Ombrófila Densa; Floresta Ombrófila Mista (Mata de Araucárias); Floresta Ombrófila Aberta; Floresta Estacional Semidecidual; e Floresta Estacional Decidual, os manguezais, as vegetações de restingas, campos de altitude, brejos interioranos e encraves florestais do Nordeste, tal como dispõe o art. 2º da lei nº 11.428/06 que dispõe sobre a utilização e proteção do Bioma Mata Atlântica.

Esse precioso bem natural está seriamente ameaçado e está em nossas mãos seu futuro e destino. O manejo e utilização adequada de seus recursos com base numa visão mais holística quanto à integração sociedade e meio ambiente, e suas implicações no modo de vida econômico e cultural que adotamos, e no qual vivemos, e o fomento a ações de conscientização preservacionista se faz necessário para garantirmos às futuras gerações a continuidade e permanência desse bioma que é um dos mais importantes do planeta.

Venha conhecer a Manacá Pitanga e seus roteiros! A experiência de aprender através do lazer será única!

logo manacá pitanga

contato@manacapitanga.com.br

http://www.manacapitanga.com.br

Tel: (12) 3843-3191 / 99759-2338

Cadastur: 26.072893.10.0001-6

Papel Semente

Padrão

Certa vez, ganhei uma tira de papel, que parecia ser uma etiqueta feita com papel reciclado, e fiquei encantada ao saber que tratava-se de um papel semente (expressão essa que apenas mais tarde fui conhecer). Pesquisei um pouco sobre o assunto, e descobri que durante o processo de confecção do papel reciclado, sementes podem ser acrescidas entre as camadas da folha produzida. Os tipos de sementes utilizadas são muitas, como boca de leão, cravo, entre outras flores e temperos. O interessante, é que além de serem produzidos em escala artesanal, para fins artísticos diversos, empresas já o comercializam numa escala  industrial. Com cores, espessuras, texturas e formatos diversos, eles são usados para confecção de convites, cartões, material promocional, embalagens, catálogos, etc.

A proposta do papel semente é simples e poética; a ideia é que no descarte (plantando-se o papel em terra úmida) uma nova vida possa ser germinada!

A seguir listei alguns sites onde é possível encontrar produtos feitos com papel semente; e abaixo tambem é possível conferir um vídeo com o passo a passo para confeccionar seu próprio papel. Então mãos a obra!

papel semente

 

http://www.papelsemente.com.br/

 

papel semente2

http://www.seedpaper.com.br/

 

 

Dicas download de livros

Padrão

Foto-0527O conhecimento que adquirimos ao longo de nossa jornada, tem papel expressivo em nossa formação, seja ela profissional, social ou cultural. A leitura é um dos meios, obviamente não o único, para adquirirmos informação e ampliarmos nossa perspectiva crítica. Vamos tecendo conexões com o meio que nos cerca, e nossa evolução enquanto sociedade depende tanto da base educacional aliada às ações e atividades humanas pelo bem comum, quanto a idealização de melhores possibilidades através de nossa conscientização enquanto indivíduos e coletividade.

Fritjof Capra é um físico teórico, ambientalista e escritor austríaco, diretor do Centro de Educação Ecológica em Berkeley, Califórnia (EUA) que aborda em seus livros e palestras sobre questões ambientais e ecológicas através de um pensamento sistêmico, holístico, fundindo física moderna, métodos científicos e filosofia oriental. Entre eles temos O Tao da Física (1975), O Ponto de Mutação (1982), Pertencendo ao Universo (1981), Sabedoria Incomum (1995), A Teia da Vida (1996), As Conexões Ocultas (2002). Capra é notadamente uma das grandes referências na atualidade acerca de uma concepção holística e de interação entre todos os elementos, pois somos parte integrante de uma unidade conectiva e nossas ações interferem no meio e retornam a nós de alguma maneira. A busca por métodos e diretrizes ecologicamente mais equilibrados é a dinâmica de uma nova era que devemos estabelecer. Tal discussão alavanca questões que nos faz indagar até que ponto interesses econômicos continuarão a se sobrepor ao esgotamento dos recursos naturais e absurda desigualdade social que podemos constatar?

Foto-0085Nesse post, abaixo, recomendarei alguns livros e cartilhas que encontram-se disponíveis para download, e também alguns sites relacionados, que trata de biodiversidade, fauna, agricultura de baixa emissão de carbono e biomas. Esse é apenas o primeiro artigo de muitos nos quais passarei a dividir por gênero e tema os posts de download de livros.

A Mata Atlântica faz parte de uma das áreas de maior biodiversidade e fragilidade do planeta. Além dela, temos outro bioma brasileiro que está na lista dos mais ameaçados do mundo, o cerrado. Eles fazem parte dos hotspots, que são regiões prioritárias para conservação devido ao elevado estágio de degradação, conceito criado em 1988 pelo Dr. Norman Myers. Hotspots Revisitados foi produzido pela Conservação Internacional, e no site da Conservação Internacional – Brasil é possível ter maiores informações sobre o trabalho, programas de conservação e atuação da organização.

Foto-0505O Guia de Aves da Mata Atlântica Paulista foi produzido pelo WWF-Brasil e Fundação Florestal de São Paulo e possui belas fotos e dados acerca das espécies. O guia foi desenvolvido com o intuito de fomentar atividades de observação de aves na região que compreende a Serra do Mar e Serra de Paranapiacaba, tanto para quem está se iniciando nessa prática, como para experientes observadores. Essa área concentra cerca de 32 unidades de conservação num dos ambientes de maior importância biológica e paisagística do planeta.

Livro Vermelho da Fauna Brasileira Ameaçada de Extinção traz fotos e informações de 627 animais ameaçados de extinção.

Áreas Prioritárias para Conservação, Uso Sustentável e Repartição de Benefícios da Biodiversidade Brasileira do MMA é um material que fala dos biomas Amazônia, Mata Atlântica, Caatinga, Cerrado, Pantanal, Pampa e Zonas Costeiras e Marinhas e contextualização de cada um.

Outras publicações disponíveis para download que merecem destaque é Biodiversidade Brasileira (Ministério do Meio Ambiente Secretaria de Biodiversidade e Florestas), Agricultura de Baixa Emissão de Carbono: A evolução de um novo paradigma (Observatório ABC)

***

Alguns sites relacionados:

http://mapas.mma.gov.br/mapas/aplic/probio/datadownload.htm (Mapa da Cobertura Vegetal dos Biomas Brasileiros, disponibilizado pelo Ministério do Meio Ambiente)

http://siscom.ibama.gov.br/ (CENTRO DE SENSORIAMENTO REMOTO – Projeto de Monitoramento do Desmatamento dos Biomas Brasileiros por Satélite)

http://ecologia.ib.usp.br/ (Departamento de Ecologia – Instituto de Biociências da Universidade de São Paulo)

http://www.biomasdobrasil.com/ (Biomas do Brasil, um mundo de Biodiversidade. Exposição Virtual)

Acompanhem nosso blog para ficarem por dentro de dicas sobre meio ambiente! E postem comentários deixando sugestões para nossas publicações.