Educação Ambiental com Crianças

Padrão

earth_dayEm meu trabalho com educação ambiental, sempre senti uma aceitação e envolvimento muito maior das crianças em comparação aos adultos. A leitura que podemos fazer em suas atitudes, em seus olhinhos, em sua ansiedade em falar é realmente estimulante e compensador. Com criança é muito simples: ou ela gosta, ou não gosta, e cabe a nós dar a direção a elas… o quão mágico esse caminho pode ser às vezes são elas que nos mostram!

As brincadeiras ao ar livre, o estímulo em mexer com a terra e realizar atividades que envolvam vivência com elementos da natureza são fatores chave para despertar os sentidos da criança numa interação harmoniosa com o meio que a cerca. Os sentidos são mais apurados nas crianças, e a impressão do mundo que as rodeia, o que e como absorvem as informações, tem impacto profundo em sua formação. Ao iniciarmos um aprendizado no universo infantil onde ecologia, relações humanas e sustentabilidade são naturalmente estabelecidas e se inter-relacionam, criamos uma ponte para um real processo profundo de conscientização humana. Segundo Fritjof Capra et al, no livro Alfabetização Ecológica (São Paulo, Cultrix: 2006) “a educação para uma vida sustentável (…) é uma pedagogia que facilita esse conhecimento por ensinar os princípios básicos da ecologia e, com eles, um profundo respeito pela natureza viva, por meio de uma abordagem multidisciplinar baseada na experiência e na participação.”

planeta_terraA Política Nacional de Educação Ambiental é instituída pela lei federal nº 9795/99 e garante o acesso à EA (educação ambiental) a todos, de modo geral, tanto em caráter formal quanto não formal, a fim do “desenvolvimento de uma compreensão integrada do meio ambiente em suas múltiplas e  complexas relações, envolvendo aspectos ecológicos, psicológicos, legais, políticos,  sociais, econômicos, científicos, culturais e éticos.” (Art. 5º, item I). Esta na modalidade do ensino formal engloba também a educação básica, onde na grade curricular pode-se agregar sua aplicação de maneira transversal às disciplinas instituídas. Tanto dentro como fora da escola (caráter não-formal) podemos e devemos, enquanto pais, sociedade e profissionais, trabalhar e fomentar práticas e medidas por um mundo mais equilibrado social e ambientalmente falando.

Um guia interessante para educadores e agentes multiplicadores utilizarem é Plantando Cidadania – Guia do Educador Ambiental do SOS Mata Atlântica, que oferece uma base informativa enriquecedora. Algumas cartilhas que recomendo para trabalhar diretamente com a criançada é Água – ou todos preservam ou ela acaba, e Cartilha do Lixo – lições que não podem ser jogadas fora que fazem parte do Programa de Educação Ambiental e Comunicação Social da BR-135 e Fundação BioRio; Educação Ambiental do Projeto Inovar e Emater- MG, uma manual bem simplificado e de fácil interpretação para trabalhar com crianças de diversas faixas etárias.

untitledQue tal fazer uma horta orgânica?! Trabalhar os conceitos de alimentos mais saudáveis, compostagem e cultivo é outra abordagem fundamental junto às crianças. A cartilha da IAPAR dá uma bela força sobre o assunto num guia prático e elucidativo.

Uma ótima opção também disponível para download é o Jogo ABC do Mangue, que estimula a conscientização e a defesa do meio ambiente, e preservação desse importante ecossistema através de uma brincadeira divertida e educativa. Não posso deixar de recomendar a Cartilha dos Biomas: a natureza ensina a viver que trata do assunto de forma concisa e atraente.

images2Vamos estimular as crianças a praticarem esportes, ter contato com elementos e paisagens naturais, seja em passeios, caminhadas, gincanas ou circuitos ecológicos. O que vale é usar a imaginação e verificar que os pequenos podem dar ótimas sugestões, sem nos esquecermos, é claro, que somos nós que direcionamos e determinamos o foco.

Oficinas de reciclagem, trabalhos manuais e confecção de brinquedos e instrumentos musicais também são uma ótima pedida… mas isso fica como tema para um próximo artigo.

Basta clicar diretamente sobre o nome das cartilhas no texto acima, para ser direcionado automaticamente para os respectivos downloads de todo o material citado, que é disponibilizado gratuitamente para fins educativos, tendo reservado seus direitos autorais.

Espero que tenham gostado, e que esse conteúdo tenha ajudado!

Anúncios

Uma resposta »

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s